6 de junho de 2011

mas laranjas também me fazem azia...

adoro laranjas! nada como acordar de manhã, pegar em algumas laranjas do frigorífico e fazer um belo de um sumo, para dar um pontapé naquela fase em que inchados acordamos! hoje o meu dia começou estranhamente comigo a cortar três laranjas e a preparar um sumo, logo pela manhãzinha... talvez um sinal do meu inconsciente, neste que é o primeiro dia do resto da vida deprimida da nação. mas o meu inconsciente deve estar a pregar-me algumas rasteiras, pois foi extremamente prazeroso espetar e assim golpear as laranjas, para depois as espremer com violência para lhes retirar o sumo (que pouco era, pois a casca era grossa, logo só podem ser espanholas), reparei que o esforço não compensara. amargas, ácidas e até alguns caroços passaram através do espremedor; até a cor deixava a desejar, o laranja estava pálido e sem vida.

dei por mim a olhar para o copo parcialmente cheio de sumo e a pensar na nova "era" social democrata que nos vai envolver a partir de hoje. certamente não irá mudar muito, pois estamos nas mãos da entidades bancárias estrangeiras, tal como as laranjas que parti serem espanholas e tão certo como o seu sumo ser tão amargo como sempre será o sumo das laranjas espanholas... além disso estou com uma azia que nem posso à custa das filhas da mãe!

em resumo? nunca votei com tanta consciência como ontem! consciente que nada vai mudar, quem já encheu os bolsos já está noutra, ficaram os restos para serem devorados pelos que agora chegam. o povo esse deu meia lição aos socialistas e garantiu assim uma paz aparente por mais alguns meses. deixem passar o verão e vão ver como vai doer ser português...

2 comentários:

A efervescência da mente disse...

que tu gostas de laranjas já eu o sei há muito tempo! a afirmação de uma convicção só varia conforme o tempo pré-disponível do estado de espírito do seu emissor. oxalá a tua consciência de ontem tenha sido lúcida.

Onde é que está a luz? disse...

nunca votei de forma tão lúcida como ontem! e para tua informação, gosto tanto de laranjas como de bananas azuis, ou rosas negras...
votei em consciência, mas sim, as laranjas dão-me uma azia tremenda!